Uma operação do Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), denominada “Tabuleiro”,  com apoio da Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG), cumpriu na manhã desta sexta-feira, 20 de julho, dez mandados de prisão preventiva e outros dez de busca e apreensão em Pouso Alegre, na Região Sul de Minas Gerais. O objetivo foi combater o tráfico de drogas na região.


Segundo o promotor de Justiça Fabiano Laurito, coordenador do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), unidade Pouso Alegre, as investigações duraram cerca de seis meses.

Os trabalhos dessa sexta-feira contaram com a participação de 45 policiais militares e dois cães farejadores.

O nome Tabuleiro, segundo o promotor de Justiça, é dado pelos criminosos para uma reunião onde há a troca de funções dentro da facção criminosa.

Fonte: Gaeco unidade Pouso Alegre
Ministério Público de Minas Gerais