Últimas Notícias

Sobrevivente em tragédia da Chape, Rafael Henzel morre após infarto

O jornalista Rafael Henzel morreu nesta terça-feira, vítima de infarto (Foto: Reprodução/Facebook)
O jornalista Rafael Henzel, um dos quatro brasileiros sobreviventes na queda do avião da Chapecoense em 2016, morreu na noite desta terça-feira, em Chapecó, aos 45 anos, vítima de um infarto.


Henzel passou mal enquanto jogava futebol e foi levado para o Hospital Regional de Chapecó de helicóptero, mas não resistiu e veio a óbito. Por meio de nota oficial, a Chapecoense lamentou a morte do jornalista.
Aos 45 anos, Henzel trabalhava atualmente na rádio Oeste Capital. Ele voltou à cobertura normal dos jogos um ano após a tragédia aérea que vitimou 71 pessoas nos arredores de Medellín, na Colômbia.
Rafael Henzel jogava futebol quando passou mal e foi levado a um hospital, onde não resistiu (Foto: Divulgação)
Rafael Henzel lançou em 2017 o livro “Viva Como se estivesse de partida: um relato otimista e emocionante do jornalista que sobreviveu à tragédia da Chapecoense”, no qual ele discorre sobre o acidente e o valor da vida. 
A tragédia
O acidente ocorreu por volta de 1h da terça-feira (29/11), no horário brasileiro. Às 7h, o prefeito de Medellín, Federico Gutiérrez Zuluaga, informou que pelo menos 25 pessoas não resistiram à queda do avião com o time de Santa Catarina a bordo. Às 7h40, aproximadamente, esse número foi atualizado pela polícia colombiana.
Do total, 48 eram integrantes da equipe catarinense. O avião caiu a 30 km da cabeceira do Aeroporto de Medellín em uma região montanhosa, de difícil acesso. As fortes chuvas prejudicaram o resgate.
A delegação do time de Santa Catarina saiu do Aeroporto de Guarulhos, em São Paulo, na tarde de segunda (28). Fez uma escala em Santa Cruz de La Sierra, Bolívia, e seguia em um voo da companhia boliviana LaMia para Medellín, quando sofreu o acidente.


Além do time da Chapecoense, havia 21 jornalistas brasileiros, entre eles, profissionais da Fox Sports, como o ex-jogador Mario Sérgio Pontes de Paiva, comentarista esportivo da emissora. As informações são do Globo Esporte e Gazeta Esportiva .


Nenhum comentário