Últimas Notícias

Menina ganha na Justiça direito de ter os nomes de duas mães e de dois pais na certidão de nascimento, em Pouso Alegre

Pinterest
Uma menina de 13 anos ganhou na Justiça o direito de ter duas mães e dois pais na certidão de nascimento, em Pouso Alegre. A partir de agora, vão constar nos documentos da adolesceste os nomes dos pais biológicos e o nome do casal que cuida na adolescente, desde o nascimento. 


O juiz Túlio Márcio Lemos Mota Naves, titular da 1ª Vara Criminal e da Infância e da Juventude de Pouso Alegre, determinou que a adolescente passasse a poder ter o registro de multiparentalidade na certidão de nascimento.

A decisão foi publicada pelo Fórum da Comarca de Pouso Alegre no último dia 25 de outubro. O juiz, levou em conta os interesses da adolescente, que manifestou angústia diante da possibilidade de ser obrigada a renunciar a qualquer uma das famílias. 

A garota concordou com a adoção, se isso não significasse a perda do laço com a família de origem. O juiz ainda determinou a mudança do nome da adolescente, para incluir o sobrenome dos pais adotivos.Por Toni Oliveira @jornalistatonioliveira ) É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo. 


Nenhum comentário