Últimas Notícias

Projeto “Oncominas no meu bairro” realiza ação no bairro São João em Pouso Alegre

Foto: Divulgação / Oncominas
O Bairro Cruz Alta, por dois anos consecutivos, recebeu a Ação da Oncominas voltada para a prevenção do câncer de próstata. O terceiro evento do “Oncominas no meu bairro” já tem local confirmado, será no Bairro São João em Pouso Alegre. O evento acontecerá no dia 09/11 no PSF do bairro São João e é restrito aos assistidos do local. Foram distribuídos 2.100 convites dentro da faixa etária programada e estima-se que cerca de 1.000 pessoas participarão da ação.



É esperado que o público participante neste ano seja bem maior que nos anos anteriores. “A nossa expectativa é termos um número recorde de participantes neste ano, e com isso conseguiremos atingir um número expressivo de atendimentos”, comenta Dr. Dirceu Eurílio Silva, diretor administrativo da Oncominas.

Com o slogan “Homem de verdade não tem medo de se cuidar”, o evento disponibilizará gratuitamente palestras, consultas mediante indicação médica, exame de sangue para avaliação do PSA - realizado para detectar o câncer de próstata, aferição de glicemia e pressão arterial e vacinação.

O primeiro evento, em 2017, contou com mais de 150 participantes e 111 homens venceram a barreira do preconceito e mostraram ser responsáveis pela saúde, um número que excedeu as expectativas dos organizadores.

Já no último ano, em 2018, o segundo “Oncominas no meu bairro” contou com a presença de 126 participantes, atendidos por uma equipe de 65 voluntários entre atendentes, técnicos, enfermeiros e médicos. Dentre esses 126 participantes, foram 121 coletas de exame PSA e avaliação com médico urologista. Os exames que precisaram de uma atenção maior, foram encaminhados ao PSF da Cruz Alta o qual deu continuidade nos agendamentos conforme solicitação médica.

Foto: Divulgação / Oncominas
O evento é fruto da parceria entre a Oncominas com a Prefeitura Municipal de Pouso Alegre, através da Secretaria de Saúde, do Hospital das Clínicas Samuel Libânio, e da Clínica de Urologia Civiale.

JFG, de 52 anos, garantiu sua participação nos dois anos de evento e garante que “prevenir é o melhor remédio”. “Os homens tem que se precaver, pois quando a doença atinge uma fase avançada, fica mais difícil o tratamento”, disse.

Dr. Volney foi o responsável pela palestra no ano de 2018 e ressaltou sobre a importância da realização dos exames de rotina: PSA e o de toque. Segundo ele, diagnosticado precocemente, o câncer de próstata tem 90% de chances de cura e deve ser realizado em homens acima de 50 anos, com exceção de casos hereditários e de negros. “Os negros são mais propensos a desenvolver esse tipo de câncer, logo, os exames de rotina devem ser realizados a partir dos 45 anos. O mesmo acontece com homens que tem casos de câncer de próstata na família, com o pai ou avô”, explica.



Segundo o profissional, 60 mil novos casos de câncer de próstata são diagnosticados por ano, resultando em uma morte a cada 40 minutos. “O câncer de próstata é o sexto tipo de câncer mais comum e representa cerca de 10% do total de cânceres”, frisa. Assuntos como os tipos de tratamento, complicações, chances de cura, doenças da próstata nas fases adolescente, adulto e no idoso também foram assuntos abordados.

Retornar para comunidade uma parte daquilo que se faz internamente no dia a dia é uma das missões da Oncominas, uma das principais clínicas de Oncologia do estado de Minas Gerais. Por isso, a empresa desenvolve e apoia projetos que vão de encontro com a qualidade de vida, seja em hábitos saudáveis, seja em métodos de prevenção.

Nenhum comentário