/> Mãe acusada na web de levar filho em coleira rebate: 'Meu filho é autista. Expõe sem saber'

Galeria

Mãe acusada na web de levar filho em coleira rebate: 'Meu filho é autista. Expõe sem saber'

Na foto, Amanda está no celular e o filho preso a ela por uma mochilinha (Foto: Reprodução Facebook)
Na última semana, a foto de uma mãe no celular enquanto o filho está preso a ela por uma mochilinha viralizou nas redes sociais. Na legenda, a pessoa escreveu: "Quando você pensa que já viu de tudo, aparece uma mulher com o filho na coleira para mexer no celular. Estamos do avesso mesmo". As pessoas não perdoaram e reforçaram a crítica. (As informações são da Revista Crescer)


Uma mulher chegou a comentar: "Deveriam fazer o mesmo com ela, amarrar e ficar em pé durante um tempão no celular, deixar preso como bixo, limitada. Preguiça de cuidar do filho direito, não quer ter trabalho. Será que quando chegar em casa vai colocar pra comer na tigela do cachorro?".


A foto foi tirada por um estranho e postada nas redes sociais há poucos dias, mas a mãe, Amanda Massoni, 27, de MG, não deixou barato: "Meu filho é autista. Ele não entende se eu falar que é pra ele ficar perto de mim. Estou indo até delegacia pra descobrir quem fez isso"

A foto foi tirada no centro de Poços de Caldas, em Minas Gerais, há pouco mais de uma semana. A mãe da foto é a autônomoa Amanda Massoni, 27 anos, que, ao se deparar com a imagem nas redes sociais, resolveu sair em defesa própria: “Está circulando essa foto minha com meu filho dizendo que meu filho está na coleira e eu no celular. 


Menino tem 3 anos e é autista (Foto: Reprodução Facebook)
Primeiro, meu filho é autista, ele não entende se eu falar que é pra ele ficar perto de mim. Ele sai correndo pro meio da rua. Segundo, eu estava parada pedindo um motorista de app. As pessoas não entendem, isso é pra proteção e segurança dele. Eu estou indo até a delegacia pra chegar em quem fez isso. A pessoa me expõe nas redes sem saber nada da minha vida". 

Em entrevista à Crescer, ela contou que não viu o momento em que foi fotografada. "Alguns dias depois, fui em uma pizzaria na minha rua e uma conhecida minha comentou se eu tinha visto a foto na internet. Um primo dela tinha mandado pra ela. Eu sai chorando de lá, fiquei muito mal e triste. Vim pra casa, ela me mandou a foto, eu postei no meu facebook explicando que meu filho é autista. Também risquei o meu rosto, mas a pessoa não. Fomos totalmente expostos", disse.


Após o recado de Amanda, milhares de pessoas deixaram comentários em apoio à mãe. A maioria, elogiando o cuidado dela com o filho e criticando o comportamento de quem tirou a foto. Várias pessoas também postaram fotos dos filhos usando a mesma mochila vestida por Bernardo.


Postagem em destaque

Pelo menos 9 casos estão com suspeita de coronavírus em Minas Gerais