© TRE-SP
O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu nesta quarta-feira (22) suspender o cancelamento de 2,5 milhões de títulos de eleitores que não compareceram ao processo de revisão biométrica. A suspensão ocorreu devido ao período de isolamento provocado pela pandemia do novo coronavírus. Com a medida, os eleitores estarão aptos a votar nas próximas eleições. 


Segundo o TSE, a suspensão do cancelamento ocorreu em 11 Estados. Os eleitores que estavam com pendências no documento deverão resolvê-las após as eleições. O primeiro turno está marcado para o dia 4 de outubro. Cerca de 146 milhões de eleitores estarão aptos a votar para eleger prefeitos, vice-prefeitos e vereadores nos mais de 5.000 municípios do país.

Atendimento online
O tribunal informou também que outros serviços relacionados ao título de eleitor podem ser feitos pela internet. São eles a emissão do primeiro documento, transferência de zona eleitoral, mudança de local de votação e regularização de inscrição cancelada.

Para isso, o eleitor deve acessar o portal do TRE e visitar a página “Título Net”. O atendimento será realizado apenas até o dia 6 de maio, prazo já anunciado para alterações no cadastro eleitoral.(Por Toni Oliveira, @jornalistatonioliveira ) É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo.