© Getty Images
Você está com o auxílio emergencial em análise? O presidente da Dataprev – Gustavo Canuto, informou agora há pouco que aproximadamente 8,3 milhões de brasileiros que haviam pedido o auxílio emergencial de R$ 600 (R$ 1,2 mil para mães solteiras) tiveram o benefício aprovado na última madrugada. A lista de novos beneficiários foi repassada à Caixa Econômica Federal, que vai liberar cerca de R$ 5,3 bilhões nos próximos dias.

Primeiramente, o pagamento da primeira parcela para quem estava com o auxílio emergencial em análise vai ocorrer gradualmente entre os dias 19 e 29 de maio, de acordo com o mês de nascimento do beneficiário. Segundo o presidente da Caixa, Pedro Guimarães, a liberação será gradual, justamente para evitar filas e aglomerações nas agências.

Dessa forma, a partir das 18h, quem estava com o benefício em análise receberá a confirmação no aplicativo Caixa Emergencial ou no site auxilio.caixa.gov.br se teve o auxílio liberado.

Esses 8,3 milhões de cidadãos receberão o auxílio emergencial em espécie nas seguintes datas:

19 de maio (terça-feira) para nascidos em janeiro
20 de maio (quarta-feira) para nascidos em fevereiro
21 de maio (quinta-feira) para nascidos em março
22 de maio (sexta-feira) para nascidos em abril
23 de maio (sábado) para nascidos em maio, abril e junho.
25 de maio (segunda-feira) para nascidos em agosto
26 de maio (terça-feira) para nascidos em setembro
27 de maio (quarta-feira) para nascidos em outubro
28 de maio (quinta-feira) para nascidos em novembro
29 de maio (sexta-feira) para nascidos em dezembro

Guimarães ainda explica que os beneficiários que nasceram em um mês superior ao da data de saque não poderão retirar o dinheiro num dia anterior. Entretanto, se perder o dia do saque, poderão sacar normalmente.

Uma parcela adicional de beneficiários começará a receber a primeira parcela amanhã (16). A Caixa Econômica Federal vai pagar R$ 246 milhões do auxílio emergencial a 405.163, dos quais 311.637 créditos em contas da Caixa e 93.526 em contas de outros bancos. Todo o dinheiro será creditado de forma eletrônica. Diferentemente das últimas semanas, a Caixa não abrirá parte das agências neste sábado (16).


Outros 5,7 milhões de pedidos do auxílio feitos pelo site ou aplicativo ainda estão no sistema de análise da Dataprev, de acordo com Gustavo Canuto.